10 de mar de 2015

Perseverança

Qual vestibulando não sonha em estudar na Universidade Federal? Principalmente os de primeira viagem. Desejos, esperanças, temores e sonhos se misturam nas cabeças de inúmeros alunos, geralmente adolescentes, espalhados pelos cursinhos e escolas preparatórios para o vestibular.

A pressão interna, a famíliar e da sociedade deixam o coração espremido no dia da tradicional narração do listão nas rádios e em frações de segundos que separa em ouvir ou não o seu nome pelo locutor é capaz de injetar sensações ímpares e após ouvir é uma explosão de felicidade bem como pode-se sentir uma profunda frustação por não ter passado.  Para quem estuda pra valer e não passar as ouvir frases motivadoras de: "vestibular tem todo ano", "ano que vem você passa tenho certeza" neste momento mais machucam que ajudam. O mais correto seria um abraço e o silêncio da compreensão.

Os estudos são investimentos a longo prazo e realmente as segundas e terceiras chances de fato existem assim como todo ano tem carnaval também tem vestibular. Transformar as frustações em alimento de perseverança é o que diferencia o vencedor daquele desiste no primeiro obstáculo. Lembro-me em um passado recente de compartilhar os meus anseios em cursar uma graduação com os meus amigos Thiago Pavão e Flávio Almeida éramos adolescentes cheios de esperanças e projetos terminamos o ensino médio no Aspecto juntos e partimos em busca do que considerávamos ser a felicidade de cada um e não demoraria para passarmos no vestibular eu em Comunicação Social - Jornalismo através do PROUNI, na UNAMA, o Thiago em Psicologia também obtendo no decorrer do curso uma bolsa do PROUNI também na UNAMA e o Flávio em Ciências Contábeis na UFPA. 

Graças a Deus inúmeras conquistas ele nos brindou entre elas especialização para o Thiago e para mim na UEPA e UNAMA respectivamente. Aprovação em concursos público para o Flávio e para mim na SEMEC e SESMA respectivamente. E hoje vejo mais um sonho de tempos do ensino médio concretizar-se a aprovação no curso de Licenciatura em Geografia da UFPA, diferente da explosão de felicidade da primeira aprovação recebi serenamente esta benção como se ela sempre estivesse lá e eu no momento certo fosse buscar.

Muitos desafios ainda me esperam e seu eu cair DEUS dê-me força para levantar e poder dizer mais uma vez obrigado Deus por mais essa vitória.

27 de fev de 2015

18 de fev de 2015