3 de mai de 2015

Ajude o Nepal


Um terremoto de magnitude 7,8 na escala Richter destruiu o Nepal no dia 25 de abril matando mais de 7 mil pessoas, com dados até o momento e ferindo mais 14 mil pessoas. Uma verdadeira tragédia após uma semana e mesmo com a ajuda humanitária internacional a situação ainda é crítica milhares de famílias desabrigadas, serviço público descontinuado e a população se ressente de não poder ter o mínimo para seguir sobrevivendo, diante de tragédias desse porte é que vemos o valor da palavra solidariedade. Ajude esta população sofrida através da Avaaz que é uma organização de ajuda humanitária global e que está levantando fundos para ajudar este país asiático encravado na região do Himalaia.


Texto da Avaaz conclamando ajuda: "Morros inteiros deslizaram, destruindo belas e delicadas aldeias rurais no Nepal. Milhares de pessoas foram soterradas, há um número ainda maior de pessoas desaparecidas e o país clama por água, comida e abrigo. É devastador, mas no meio disso tudo, uma corajosa organização local, a Abari, está usando tudo o que tem para armar tendas nas áreas remotas mais atingidas. 

Segundo especialistas em ajuda humanitária, a Abari já vinha fazendo um trabalho de impacto no país antes do desastre. Ela representa uma das melhores maneiras de fazer com que a ajuda internacional de mais necessidade chegue rapidamente às comunidades rurais. O motivo: seu local de trabalho é também sua casa. 

Podemos fazer toda a diferença para este grupo incrível, e para muitos outros em todo o Nepal, multiplicando seus recursos para ajuda humanitária por dez, capacitando as organizações a se planejarem para o longo prazo e financiando o trabalho de emergência para que a ajuda possa ser levada onde ninguém mais consegue chegar. 

Além disso, ao fazer doações para líderes locais que estão prontos para enfrentar os árduos anos de reconstrução que virão pela frente,estamos plantando as sementes da esperança por um futuro sustentável e seguro nas aldeias mais pobres do Nepal. 

Comprometa-se com uma doação -- a Avaaz só processará as contribuições se arrecadarmos o suficiente para fazer a diferença junto com estes heróis locais."

Fontes: G1G1Avaaz
Foto: Prakash Mathema / AFP

10 de mar de 2015

Perseverança

Qual vestibulando não sonha em estudar na Universidade Federal? Principalmente os de primeira viagem. Desejos, esperanças, temores e sonhos se misturam nas cabeças de inúmeros alunos, geralmente adolescentes, espalhados pelos cursinhos e escolas preparatórios para o vestibular.

A pressão interna, a famíliar e da sociedade deixam o coração espremido no dia da tradicional narração do listão nas rádios e em frações de segundos que separa em ouvir ou não o seu nome pelo locutor é capaz de injetar sensações ímpares e após ouvir é uma explosão de felicidade bem como pode-se sentir uma profunda frustação por não ter passado.  Para quem estuda pra valer e não passar as ouvir frases motivadoras de: "vestibular tem todo ano", "ano que vem você passa tenho certeza" neste momento mais machucam que ajudam. O mais correto seria um abraço e o silêncio da compreensão.

Os estudos são investimentos a longo prazo e realmente as segundas e terceiras chances de fato existem assim como todo ano tem carnaval também tem vestibular. Transformar as frustações em alimento de perseverança é o que diferencia o vencedor daquele desiste no primeiro obstáculo. Lembro-me em um passado recente de compartilhar os meus anseios em cursar uma graduação com os meus amigos Thiago Pavão e Flávio Almeida éramos adolescentes cheios de esperanças e projetos terminamos o ensino médio no Aspecto juntos e partimos em busca do que considerávamos ser a felicidade de cada um e não demoraria para passarmos no vestibular eu em Comunicação Social - Jornalismo através do PROUNI, na UNAMA, o Thiago em Psicologia também obtendo no decorrer do curso uma bolsa do PROUNI também na UNAMA e o Flávio em Ciências Contábeis na UFPA. 

Graças a Deus inúmeras conquistas ele nos brindou entre elas especialização para o Thiago e para mim na UEPA e UNAMA respectivamente. Aprovação em concursos público para o Flávio e para mim na SEMEC e SESMA respectivamente. E hoje vejo mais um sonho de tempos do ensino médio concretizar-se a aprovação no curso de Licenciatura em Geografia da UFPA, diferente da explosão de felicidade da primeira aprovação recebi serenamente esta benção como se ela sempre estivesse lá e eu no momento certo fosse buscar.

Muitos desafios ainda me esperam e seu eu cair DEUS dê-me força para levantar e poder dizer mais uma vez obrigado Deus por mais essa vitória.

27 de fev de 2015